sexta-feira, 8 de março de 2013

Saudade.


Tenho dias em que culpo um cheiro, um paladar, uma fotografia. Tenho dias em que enalteço uma gargalhada que surge na lembrança de bons momentos. É a ânsia de estar lá. É o desejo de trazer ao presente o bom da vida que o tempo já se apropriou. Há medida que o tempo avança, ou a distância separa, vai-se amontoando nostalgia, um vazio inexplicável desse sentimento chamado saudade. E tenho dias em que culpo a chuva.

Saudade, saudade, memória no pretérito dos afectos, onde até o que doeu se arrasta sentimental e melancolicamente dócil.  

Mz



Original escrito para
Desafio: Fábrica de Letras
Tema: SAUDADE



 
 
imagem: Tela de Amedeo Modigliani
Pintor e escultor italiano pesquisa google

26 comentários:

Emilie disse...

'Tenho dias em que culpo a chuva.' Apaixonei-me :)

manuela baptista disse...

à tua medida, Mz

bonito


um abraço

Rui Pascoal disse...

Todos temos as nossas saudades... poucos as sabem exprimir da forma sentida como o fez.

Ilustração mais que perfeita!
:)

João Roque disse...

Com que facilidade manobras as palavras...
Adoro Modigliani.

Mz disse...

Emilie, é bom apaixonarmo-nos por coisas simples :)



Mz disse...

Manuela, à minha medida, foi mesmo :)

Um abraço,para si também.

Mz disse...

Rui, a saudade tem tantas formas...

Mz disse...

João, eu sou uma manipuladora,não sou?
Também adoro Modigliani

✿ chica disse...

Linda tua saudade e participação. Essa palavrinha sempre nos acompanha,não? beijos,tudo de bom,chica

Laura Santos disse...

A saudade traz-nos, reciclados pelo tempo, os mais diversos acontecimentos e sentimentos.Feliz de quem sente saudade.
Texto muito bonito!

Mz disse...

Chica, é uma saudade constante.

Tudo de bom,
bjs

Mz disse...

Laura, feliz de quem sente saudades, bem dito!

Lilá(s) disse...

Saudade, que palavra forte! por muito que me queira libertar ela não me larga...
Bjs

Mz disse...

Lilás,toca a todos a todos os momentos.

Bjs

Catsone disse...

A nostalgia abraça-me ao som do Rock do fim dos 80, inícios de 90. E dói um pouco saber que esse tempo bom já não volta. Há que criar novas boas lembranças para dar saudades dentro de alguns anos.
bj

Mz disse...

É isso Cat!
Outros dias virão para recordares ainda com mais nostalgia,podes estar certo disso.

Bj

Mary Brown disse...

Dizem que é um sentimento Português mas é um sentimento nostálgico. Ter saudades é viver do passado e em vez disso espero que o futuro me permita viver o que me dá satisfação. Beijinhis

Mz disse...

A palavra é portuguesa, mas o sentimento é universal e transversal ao ser humano em qualquer parte do mundo.


Bjs

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As palavras
que semeiam o pensar
são preciosas.
Delas nascem sentimentos
que nos tiram do lugar comum
e nos fazem sentir
o perfume
precioso da vida.

Olha o céu de manhã.
Vês como brilha iluminado
por teus sonhos...

Mz disse...

Olá Aluísio, que lindas palavras que aqui deixou.

Obrigada.

Anne Lieri disse...

A saudade nos faz mesmo culpar as coisas, a nós mesmos, a tudo!Muito linda sua participação!bjs,

Ana (Ballet de Palavras) disse...

Emocionante.

A saudade também é carente, sabia ?! Carente de aconchego e, agasalho. :)

Um delicado e, lindo final de dia para você.

Ana

Nita disse...

Navegando, encontrei este lindo espaço. Vou ficar e acompanhar.
Beijo.
Nita.

Mz disse...

Obrigada Anne, a Fábrica de Letras é uma fonte de aproximação de bloguers e uma fábrica de inspiração.

Mz disse...

Ana, a saudade também é carente, isso é bem verdade.

Uma boa noite para si.

Mz disse...

Nita, a blogosfera é mesmo assim; um mundo a um clic.